Publicidade

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Projeto de construção do Rodoanel Norte será retomado

Processo ficou parado 5 meses, após ordem de Tribunais de Contas; com atraso, estrada deve ficar pronta só em 2015

RODRIGO BURGARELLI - O Estado de S.Paulo
O governo estadual vai retomar o projeto de construção do Trecho Norte do Rodoanel. Será publicada no Diário Oficial do Estado a reabertura da licitação para as obras do polêmico trecho, que terá túneis sob áreas de proteção ambiental. O processo ficou congelado por cerca de cinco meses, após o Tribunal de Contas do Estado (TCE) e o Tribunal de Contas da União (TCU) terem paralisado a concorrência em novembro. Com o atraso, o novo trecho de 47,4 km deverá ficar pronto apenas em 2015.
O Trecho Norte será a maior obra viária da gestão Geraldo Alckmin (PSDB) e vai completar o anel rodoviário ao redor da Grande São Paulo. O objetivo é poder aumentar a restrição de caminhões que hoje têm de cruzar a Região Metropolitana para ir para o interior ou o litoral, o que melhoraria o tráfego em cidades como São Paulo, Guarulhos e ABC e diminuiria a carga de poluição no ar. Os Trechos Oeste e Sul já estão operando. O próximo a ficar pronto deverá ser o Leste, em 2014, que está em obras desde o ano passado.
O custo total do Trecho Norte será de R$ 6,5 bilhões, divididos entre governo estadual (R$ 2,8 bilhões), financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID - R$ 2 bi) e governo federal (R$ 1,7 bilhão). Só as obras vão custar R$ 4,9 bilhões e serão dividias em seis lotes. Cada empresa poderá ganhar até dois diferentes. "Esperamos aumentar a concorrência com esse modelo", afirma Laurence Casagrande, presidente da Desenvolvimento Rodoviário S.A. (Dersa), empresa estadual que está gerenciando o processo.
O valor restante será gasto com desapropriações, reassentamento de famílias, supervisão de obras e outros serviços. A entrega dos envelopes da licitação deverá ser feita no dia 15 de maio.

Fonte: ESTADÃO.COM.BR

Publicidade

Postagens populares