Publicidade

domingo, 28 de abril de 2013

Rua vira depósito de carros abandonados em São Paulo

Veículos deteriorados estão abandonados desde janeiro na rua Puxinanã, no bairro Vila Rica, na zona norte de São Paulo Foto: Alecir Macedo / vc repórter

Veículos deteriorados estão abandonados desde janeiro na rua Puxinanã, no bairro Vila Rica, na zona norte de São Paulo
Foto: Alecir Macedo / vc repórter
Os moradores da rua Puxinanã, no bairro Vila Rica, zona norte de São Paulo, convivem desde janeiro com sucatas de veículos abandonados próximo à avenida Inajar de Souza.
No dia 4 de fevereiro, o internauta Alecir Macedo decidiu  fazer uma solicitação de remoção dos veículos por meio do site da prefeitura, mas teve o pedido indeferido. Há cerca de duas semanas, a situação se agravou, e as sucatas das kombis viraram espaço para o consumo de drogas. Uma nova solicitação foi feita por Macedo – e foi novamente negada pela prefeitura.
Procurada pelo Terra, a coordenação das subprefeituras de São Paulo afirmou que a subprefeitura de Freguesia do Ó/Brasilândia, responsável pela área, irá vistoriar o local na próxima sexta-feira, e se comprometeu a tomar as medidas necessárias.

Após indeferir dois pedidos de um morador, a prefeitura se comprometeu a visitar o local e tomar as medidas cabíveis Foto: Alecir Macedo / vc repórter
Após indeferir dois pedidos de um morador, a prefeitura se comprometeu a visitar o local e tomar as medidas cabíveis
Foto: Alecir Macedo / vc repórter

​A prefeitura afirma que, constatada a denúncia, o dono do veículo denunciado tem uma notificação fixada no veículo. Caso o automóvel não seja removido no prazo de cinco dias úteis, o carro será considerado abandonado.
Segundo a coordenação, quando uma subprefeitura recebe uma denúncia de um veículo abandonado, o órgão entra em contato com a polícia e verifica se o veículo é produto de furto ou roubo, se tem alguma pendência judicial ou um mandado de busca e apreensão.
O passo seguinte é entrar em contato com o Departamento de Trânsito (Detran) para levantar os dados do proprietário e do veículo. Caso o dono não seja encontrado, o carro passa a ser considerado sucata.
Qualquer pessoa pode denunciar irregularidades à administração municipal por meio do site da prefeitura, do telefone 156 ou das praças de atendimento das subprefeituras.
Nosso agradecimento a coluna VC Repórter do Portal Terra

Publicidade

Postagens populares